Live sobre cuidados com a pele na quarentena

O que fazer para prevenir e tratar o envelhecimento das mãos?
24 de janeiro de 2019

Live sobre cuidados com a pele na quarentena

Pessoal, fui recentemente convidada para participar de uma “Live” com psicóloga Dra. Ana Carolina Lynch para falar sobre os cuidados com a pele durante a quarentena da Covid 19. Tive a oportunidade de responder as perguntas de internauta e de falar mais sobre os tratamentos e cuidados necessários nesse período.

Abaixo, coloco um resumo do que disse na ocasião. Quem perdeu e quer fazer alguma pergunta sobre o tema, basta preencher o comentário abaixo que responderei aqui mesmo.

HIGIENIZAÇÃO CONSTANTE DAS MÃOS PODE GERAR RESSECAMENTO
Uma das prevenções principais contra o coronavírus é a lavagem das mãos constantemente com sabão e água ou álcool em gel. No entanto, pessoas com peles mais sensíveis ou com prévios problemas dermatológicos podem apresentar ressecamento.

Apesar do problema, a recomendação não é diminuir a frequência da lavagem, mas, sim, incluir na rotina de cuidados o hidratante de mãos. Ele deve ser aplicado após a secagem das delas e a preferência é que o produto não tenha corantes ou fragrâncias, além de ser em creme ou em bálsamo.

A exposição a produtos de limpeza como sabão e água sanitária também pode ser um agravante para o ressecamento. A recomendação é utilizar luvas ao manusear esses objetos.

BANHOS DE SOL NA JANELA E USO DE PROTETOR SOLAR DEVEM SER MANTIDOS
A tendência de ficar em casa pode trazer o esquecimento de produtos como protetor solar. No entanto, sempre estamos expostos a alguma luz, incluindo a do sol ou a de equipamentos eletrônicos que transmitem um tipo de luz conhecido como “filtro azul”.

Já o banho de sol proporciona vitamina D, essencial para o desenvolvimento do corpo. Durante o período de isolamento social, cerca de 10 a 15 minutos de exposição diária ao sol é suficiente para repor a vitamina de forma natural. O uso de roupas leve e de foto proteção soma-se à recomendação. Quem tem problemas dermatológicos prévios deve manter cuidados recomendados pelo dermatologista e manter o uso de protetor solar.

REPELENTES TAMBÉM AJUDAM NOS CUIDADOS
Com o período de chuvas e umidades, a proliferação de mosquitos também aumenta. Peles sensíveis podem sofrer com as picadas de mosquito. Minimizar as exposições da pele é uma das recomendações, além de evitar a circulação dos mosquitos na casa. Fechar as janelas no período da noite ou utilizar proteções de tela ajudam a diminuir a entrada do mosquito. O uso de roupas longas e o uso de repelente também ajudam a evitar problemas dermatológicos mais graves.

FAÇA SUA PERGUNTA NOS COMENTÁRIOS ABAIXO

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pré-inscrição Workshop Peeling

×
WhatsApp chat